Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Namoro pela internet

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014
É fato que a internet serve para unir pessoas distantes (e afastar pessoas próximas também, além de outras funções a mais). Destas "uniões", você já deve ter ouvido sobre os namoros que começaram por elas. Confesso que eu acharia estranho tempos atrás um namoro pela internet. Ainda acho, mas vejo agora por outros olhos (na verdade, os mesmos, só que em 2014, não como no ano passado, entendeu?).
Acho que é possível namoros começarem pela internet. Só acho difícil que eles se mantenham se ficarem só nesta rede. Não podemos dizer que conhecemos plenamente uma pessoa por vê-la pessoalmente todo dia, pois, até mesmo sem querer, vestimos uma máscara em todos os lugares, cada qual, uma fantasia diferente. Vamos pro próximo parágrafo (só pra avisar mesmo).
Podemos muito bem nunca ter visto uma pessoa de perto, mas conhecê-la muito bem pelas coisas que ela escreve (isso é quase uma indireta, mas não é (larguei essa vida de indiretas)). Outro parágrafo.
E por que estou escrevendo sobre isso? Simples, porque eu quero e, não menos importante, porque vi um vídeo no youtube. É uma paródia do Daniel Santos, intitulada "NAMORO DO ORKUT" em caixa alta mesmo (acho que ele estava gritando quando escreveu esse título).
Na paródia, ele fala de um namoro que começou no bate-papo Uol, prosseguiu pro Orkut e depois passou pro Facebook. Vocês ainda lembram do Orkut? Aquela rede social maneira. Eu era 100% sexy (era o que esta rede me dizia). Lembro d'algumas coisas que eu fiz por lá, principalmente no último ano que o utilizei. "Dei meu coração" umas três vezes pra uma pessoa pelo Buddy Poke. Nunca tive respostas, nem sequer dinheiro devolvido por ter ido à lan house fazer isso, mas tudo bem, coisas do passado.
Imagem: http://fazerorkut.com.br/
Então é isso, feliz 2014 pra vocês! Curtam agora a paródia mencionada. Até!

Comentário(s)
0 Comentário(s)
Nenhum comentário:
Postar um comentário