Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Devoradora de corações

sexta-feira, 21 de março de 2014
Escuta, este coração que por você tantas vezes acelerou está dando suas últimas batidas. Este velho coração se aproxima de seu fim, não do fim, pois este já chegou quando você foi embora. Ele acha que está feliz, que finalmente encontrou a paz no esquecimento. Esperou demasiadamente, reconheceu-se incompleto e por meio da razão, creu em teorias que diziam que as coisas são relativas, que basta deixar de pensar para tudo se resolver. Mas agora, nas suas últimas batidas, ele clama por um último adeus. Nunca pensou que o primeiro seria de fato a despedida e agora queria que sua fé o salvasse deste destino. Aquela porta não abria, você não apareceu e nos últimos momentos o coração bateu mais forte, quem sabe ela estivesse nos corredores. Corre, chegue logo, estou aqui só pra te dizer o que sempre senti. Razão nenhuma poderia explicar o que se passava, a última batida foi a mais estrondosa, parecia se anunciar, dizer que era seu fim.
Dois minutos antes, você estava com muita gente e se sentindo sozinha. Que contraditório, você queria falar comigo, mesmo dizendo que não queria mais me ver. Você não sentia seu coração, mas sentia o meu, frágil, bater, parecia estar te chamando e estava, mas você não quis atendê-lo.
Imagem: http://baguncinhacantinho.blogspot.com.br
Passado alguns dias, você está num desses lugares onde tem muitos corações parados. O meu está a sua direita, você vê e tem um sorriso no rosto. Quem sabe esteja pensando nos bons momentos. Porém não houveram momentos para serem bons. Seu sorriso demonstra alegria, você conseguiu destruir mais um coração, este meu aqui, que agora toma consciência do que aconteceu.
Lá fora tem um coração batendo, ainda. Você está indo pra lá.


Gostou do texto?! Então curta a página no facebook para receber novos textos quando eles forem publicados: https://www.facebook.com/masqueseyo
Comentário(s)
0 Comentário(s)
Nenhum comentário:
Postar um comentário