Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meus tristes ganhos com o Google AdSense

sábado, 19 de julho de 2014
Não tá fácil pra ninguém mesmo. Depois que sai da universidade, de universitário passei a ser considerado desembolsado (que seria uma espécie de desempregado, só que em um nível abaixo). Enquanto o emprego não vem (e eu não vou até ele), produzo conteúdo digital. A palavra é bonita. né? - conteúdo digital - mas isso é apenas isso que vocês estão lendo agora: escrevo num blog para meia dúzia de leitores e posto vídeos de eventos culturais no Youtube.
Google AdSense

Imagem: http://www.magicmarketing.com.br
É verdade que quando iniciei a usar essas ferramentas, o intuito nem era ganhar dinheiro. Comecei primeiro com meu canal no Youtube em 2008 postando vídeos uma vez por ano, mais ou menos. No final de 2012, criei um novo canal e me tornei "Parceiro do Youtube". Até agora não vi muita vantagem nisso.

Já o  blog, iniciei o primeiro em 2011. Escrevia de tudo, mas os altos níveis de drama me obrigaram a torná-lo particular e criar esse outro aqui - Mas qué sé yo - onde também escrevo de tudo: dicas, tutoriais, contos, poemas, coisas do dia a dia, receitas, bulas, atestados, etc. No antigo blog, eu usei por um tempo o AdSense e tive o magnifico ganho de 81 centavos de dólar. Até hoje não me pagaram isso, mas já explico.
Brevemente, colocarei alguns anúncios aqui no blog, mas não se preocupem, não serão aqueles banner que aparecem na tela (nada contra a quem faz isso, haja vista que é um dos jeitos de fazer as pessoas clicaram nos links). Colocarei uns na barra lateral e talvez entre as postagens.

Enquanto esse dia não chega, lerei mais sobre o AdSense para não cometer erros. Fui ao painel desse sistema e conferi que já tenho em caixa nada mais que US$3,31 - aumentou, viu? Quando (e se) esse saldo alcançar os 100 dólares, aí sim a Google liberará minha grana. Mas até lá, o mundo já pode ter acabado, vai saber.

Portanto, se você quer se cadastrar no AdSense, não pense que sairá ganhando rios de dinheiro de uma hora pra outra. O jeito é se informar com quem já usa esse sistema e pôr em prática. Em breve, escreverei outro posts com links interessantes para quem deseja entrar mais nessa empreitada. Até a próxima.  
Comentário(s)
0 Comentário(s)
Nenhum comentário:
Postar um comentário